menu
       
   

Siga-nos no

CASTRO, Coronel Sousa e

Rodrigo Manuel Lopes de Sousa e Castro nasce no ano de 1944, numa aldeia em Arnoia, na freguesia de Cruz de Baixo, chamada Lugar do Monte. O pai é ferroviário, chefe de estação de Celorico de Basto, a mãe, regente escolar. Sousa e Castro é o terceiro de sete irmãos. O posto escolar era uma parte integrante da casa. Não se estranhará assim que, quando entra na escola, no primeiro ano, já quase saiba ler. Em 1954, conclui a quarta classe. Estuda, em seguida, no Colégio de São Gonçalo, em Amarante. Quando aí chega, o director e professor de Inglês, o padre Ramalho, pergunta aos alunos, um por um, o que querem ser quando forem grandes, Sousa e Castro responde-lhe com alma: «Quero ser oficial do Exército!» Em 1958, tem o jovem Rodrigo 14 anos de idade, Humberto Delgado passa por Amarante em campanha eleitoral, fardado, em pé num carro a descoberto. Os seus olhares cruzam-se numa rua estreita, com o povo a atirar-lhe flores, as janelas e as sacadas decoradas com colchas e os guardas-republicanos a fazerem-lhe continência. O jovem Rodrigo não podia imaginar o que o futuro lhe reservava. É o que neste livro se conta.

LIVROS:

A VIDA DE JESUS
CAPITÃO DE ABRIL, CAPITÃO DE NOVEMBRO (3.ª edição)

voltar  Voltar